empilhador_de_garfos_riscos_utilização_segurança_blog_safemed_sst

[Ficha de Segurança] Empilhadores de Garfos

empilhador_de_garfos_sst_segurança_blog_safemed

 

Legenda:

  1. Chassis;
  2. Contrapeso;
  3. Eixo motriz;
  4. Eixo de direção;
  5. Mastro (que serve também como protecção anticapotamento);
  6. Porta garfos ou forquilhas;
  7. Cilindro hidráulico elevador;
  8. Garfos ou forquilhas;
  9. Grade para apoio de cargas, protetora do condutor;
  10. Pórtico de segurança;
  11. Volante com servo direção;
  12. Assento com suspensão e cinto de segurança;
  13. Espelhos retrovisores.

.

Função

Carro automotor de movimentação e de elevação de cargas, que se desloca no solo, possuindo tração motorizada e que é capaz de levantar, baixar, transportar e empurrar cargas.

.

Documentos e Outros Elementos

Fabricante

  • Declaração de conformidad
  • Marcação CE (afixada);
  • Diagrama de cargas (afixado);
  • Manual de instruções em português.

Utilizador

  • Registo de verificações/ensaios e de manutenções;
  • Registo de ensaios de segurança específicos.

.

Formação Específica Exigível

  • Formação habilitante para condução de empilhadores
  • O condutor manobrador deve estar especificamente habilitado para o efeito, nos termos do artigo 5.º e 32.º do Decreto-Lei n.º 50/2005, de 25 de Fevereiro. A formação referida pode ser promovida pelo empregador, por entidade formadora certificada para o efeito ou por estabelecimento de ensino reconhecido pelo ministério competente e dá lugar a emissão de certificado e registo na caderneta individual de competências nos termos do regime jurídico do sistema nacional de qualificações – Plataforma Sistema de Informação e Gestão da Oferta Educativa e Formativa (SIGO). A formação deve ser assegurada por formador devidamente habilitado – ex: UFCD (Unidade de Formação de Curta Duração) 0420 – Movimentação e operação de empilhadores inserida no Catálogo Nacional de Qualificações.

.

Riscos

  • Colisão com objetos e/ou equipamentos;
  • Queda de objetos;
  • Quedas dos operadores ao mesmo nível;
  • Atropelamento;
  • Acondicionamentos das cargas;
  • Desrespeito pelos princípios ergonómicos;
  • Entalamentos e esmagamentos;
  • Capotamentos;
  • Exposição ao monóxido de carbono;
  • Riscos elétricos;
  • Incêndios ou explosões.

.

Principais Medidas de Prevenção

Fabricante

Os empilhadores devem estar equipados com os elementos relativos à segurança, os quais nunca devem ser anulados, nomeadamente:

  • Sinalização luminosa/sonora de marcha atrás;
  • Cinto de segurança no assento;
  • Botão de paragem de emergência;
  • Placas indicadoras de:
    • Identificação e dados do fabricante;
    • Diagrama de cargas;
    • Dados técnicos do equipamento;
    • Pressão hidráulica no caso de equipamentos acionados hidraulicamente;
    • Pressão de ar dos pneus;
  • Freio de imobilização;
  • Sensor de peso colocado no assento do operador de forma a impedir a ignição do motor (de fora) sem a presença do operador;
  • Dispositivo de encravamento por chave;
  • Estruturas FOPS e ROPS (proteção do operador contra queda de objetos e contra capotamento).

Utilizador

  • Formação e informação dos operadores;
  • Avaliação de riscos;
  • Delimitação das vias de circulação bem como a zona de passagem destinada aos peões;
  • As vias de circulação deverão ter largura suficiente: largura do empilhador + 1 metro se a circulação for feita num sentido; largura de 2 empilhadores + 1,40 metro se a circulação for feita em 2 sentidos;
  • Abertura nas lombas de controlo de velocidade de zonas de passagem para as rodas dos empilhadores;
  • Para facilitar a visibilidade deverão instalar-se espelhos de canto nas esquinas das estruturas (semelhantes aos utilizados nas circulação rodoviária);

empilhador_de_garfos_sst_segurança_blog_safemed2

 

  • O operador deve manobrar o empilhador sentado e com o cinto de segurança ou barra metálica (sistema de retenção);
  • Equilibrar carga a elevar – conhecimento do centro de gravidade;  Amarrar e calçar as cargas sem ultrapassar a carga máxima prevista;
  • Não permitir a movimentação de cargas num só garfo;
  • Não movimentar as cargas com os garfos elevados, devendo estes estarem sempre colocados a uma altura, aproximadamente, de 0,15 m relativamente ao chão;
  • Na descida de rampas, manobrar o empilhador em marcha atrás e com a carga ligeiramente inclinada para trás. Circular sempre com a carga no lado ascendente da rampa. Para subir deve circular de frente e se for obrigado a parar numa rampa deve “calçar” o empilhador;

empilhador_de_garfos_sst_segurança_blog_safemed3

 

  • Estar sempre atento e olhar constantemente para a direção da marcha;
  • Manter as extremidades do corpo (mãos, pés e pernas) dentro dos limites da cabina do empilhador;
  • Evitar manobras bruscas, conduzindo com velocidade moderada, abrandando nos locais perigosos (ex.: curvas e locais de pouca visibilidade, cruzamentos, passagens com altura limitada, pavimentos desnivelados, etc.), buzinando sempre que se aproximem peões;
  • Nunca abandonar o empilhador sem colocar os comandos na posição de paragem, acionando o travão de mão e retirando a chave de ignição;
  • Inclinar para trás os garfos, no transporte de cargas que possam escorregar;
  • Ao carregar ou descarregar do camião, verificar se a plataforma de passagem é suficientemente resistente;
  • Proibir o transporte e elevação de pessoas no empilhador;
  • Respeitar criteriosamente os sinais de trânsito e/ou sinalização de segurança;
  • Não permitir que as pessoas se coloquem debaixo da carga do empilhador;
  • Após terminado o trabalho, estacionar o empilhador em locais próprios (devidamente sinalizados e sem ser em superfícies inclinadas), colocar os garfos na posição inferior e desligar o motor;
  • Extintor – se o empilhador trabalhar em local de trabalho com extintores, não é necessário equipar a máquina/equipamento;
  • Sinalização luminosa rotativa de presença;
  • Verificar se os garfos apresentam deformações, sinais de desgaste ou danos visíveis;

empilhador_de_garfos_sst_segurança_blog_safemed4

 

  • Verificar a existência de danos nos parafusos dos dispositivos de segurança e nos travamentos dos garfos;

empilhador_de_garfos_sst_segurança_blog_safemed5

  • Medidas de segurança no carregamento de baterias ou abastecimento:
    • Nunca fumar ou foguear na proximidade das baterias ou do depósito de gasóleo;
    • Desligar sempre o motor;
    • Em caso de derrame de combustível, proceder à limpeza/remoção do mesmo. O empilhador só poderá ser colocado em funcionamento depois destes procedimentos;
    • Nunca devem ser pousadas peças metálicas ou ferramentas sobre as baterias ou carregadores;
    • O “cofre” das baterias deve estar coberto;
    • Depois de carregadas as baterias, deve ser fechada a tampa de proteção das mesmas.

.

Local da Actividade

  • Existência de cais de carga e descarga;
  • Via de circulação para peões e outros veículos;
  • Vias de circulação de sentido único;
  • Pavimento das vias de circulação firmes e regulares;
  • Os locais de trabalho deverão possuir ventilação adequada (especialmente se os empilhadores forem a diesel e a gás);
  • Para empilhadores elétricos, existência de local adequado para carregamento de baterias.

.

Normas de Referência

  • EN 1726-1-1998 Safety of industrial trucks Self-propelled trucks up to and including 10 000kg capacity and industrial tractors with a drawbar pull up to and including 20 000 N Part 1;
  • EN ISO 3691-1:2012 Industrial trucks – Safety requirements and verification – Part 1: Self-propelled industrial trucks, other than driverless trucks, variablereach trucks and burden-carrier trucks (ISO 3691-1:2011) – English Version;
  • EN ISO 3691-5:2014 Industrial trucks – Safety requirements and verification – Part 5: Pedestrian-propelled trucks;
  • EN ISO 3691-5:2014 Industrial trucks – Safety requirements and verification – Part 5: Pedestrian-propelled trucks;

.

Fonte (ACT): bit.ly/2abiD12

 

Avalie o artigo
Márcia Cardoso

Márcia Cardoso

Marketeer at Ábaco Consultores
Márcia Cardoso, licenciada em Marketing. Actualmente desenvolve funções na Ábaco Consultores.
 Visualizar perfil de Márcia Cardoso
Márcia Cardoso

Márcia Cardoso

Márcia Cardoso, licenciada em Marketing. Actualmente desenvolve funções na Ábaco Consultores.  Visualizar perfil de Márcia Cardoso

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscribe!

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>